Empreendedorismo

Revender semi joias consignadas é ou não um bom negócio?

Muitos talvez nunca tenham ouvido falar e outros conheçam por outro nome, mas afinal, o que significa “venda por consignação”?

Consignado é um procedimento de venda, no qual o fornecedor disponibiliza para o vendedor uma determinada quantidade de produtos, com margens já definidas e por um determinado período de tempo.

Parece o negócio dos sonhos, não é? Mas calma… nem tudo é o que parece!

Então, vamos analisar as vantagens e desvantagens desta modalidade de negócio mais de perto:

  • Investimento: Com certeza o maior atrativo dessa modalidade de vendas é não precisar de investimento, mas contudo, com um pequeno investimento você pode começar seu negócio próprio de semi joias. Escolhendo os produtos certos é  possível que o retorno seja muito rápido e o lucro maior. Na Donadiva semi joias, por exemplo, seu investimento é de apenas R$400,00, o frete é grátis e você ganha o kit revendedora no primeiro pedido. Você ainda pode escolher os produtos que irão compor seu mostruário. Leia mais sobre o kit revendedora e como ganhar;
  • Rendimento: Na venda consignada você tem uma lucratividade já definida que geralmente fica entre 20% a 30%, dependendo de quanto você vende no final do mês. Mas, tenha em mente que investindo com seu próprio dinheiro suas margens ultrapassam 100%, você ainda escolhe os produtos que irá revender e não precisa prestar contas a ninguém, ou seja, você adquire liberdade;
  • Estoque: Não ter custo de estoque é uma vantagem na venda consignada, sem a menor sombra de dúvidas, mas lembre-se que, comprando em atacado você também pode efetuar a troca das peças que não vendeu, geralmente o fornecedor estipula uma porcentagem de troca;
  • Mostruário: Aqui está uma grande desvantagem da venda consignada, a falta de personalidade e também falta de vínculo com seus clientes nos produtos recebidos, uma vez que você não escolhe os modelos do mostruário. Você tem que vender o que recebe e fica impossível as vezes atender aos pedidos de seus clientes e ter os lançamentos quando precisa;
  • Empreendedorismo: Tenha em mente que ao vender peças consignadas você não está construindo para um negócio seu, afinal você está vendendo um produto escolhido por outra pessoa. Na consignação você não tem as rédeas do seu negócio, você não escolhe o que vender, nem como vender, nem por quanto vender;
  • Procedência: Os produtos destinados a venda consignada são compartilhados e nem poderia ser diferente. O que isso quer dizer? O produto que você devolve na hora do acerto, passará para outra vendedora e alguns dos produtos que você recebe também já foram de outras vendedoras, e sabe-se lá quantas vendedoras já manusearam, se houve cuidado, se foram usadas ou se estavam devidamente embaladas no mostruário;

Lembre-se, se você tem intenção de ser empreendedor, invista no seu próprio negócio, escolha, pesquise o que é tendência, compartilhe nas redes e coloque a sua personalidade na hora de escolher as peças que irá vender, o céu é o limite e o lucro depende só de você!

Podem existir outras vantagens e desvantagens que não foram aqui apresentadas, também não quero afirmar qual modalidade de venda é a melhor, cabe a você identificar o seu perfil, saber se você é empreendedor ou colaborador, e o que deseja alcançar com suas vendas! O importante é ser feliz fazendo algo que goste e que se identifique!

Leia também

22 Dicas “matadoras” para você ser uma ótima Revendedora de semi joias.

Revendedora autônoma de semi joias, ser ou não ser?

Gostou? Curta e siga!
Facebook
Instagram
Google+
YouTube